Categoria - Notícias

Equipes de saúde vencem distâncias e dificuldades para imunizar idosos no interior de Sergipe

10 de março de 2021

Vencer distâncias, caminhos ruins e difíceis. Este tem sido o desafio das equipes de vacinadores espalhadas nos quatro cantos do Sergipe, movidas pelo empenho de imunizar idosos e conter a disseminação do novo coronavírus. Os exemplos são muitos, como o de profissionais dos municípios de Nossa Senhora de Lourdes, no sertão sergipano; de Santa Luzia do Itanhy, no centro sul do estado; e de Siriri, no leste sergipano.

Em Nossa Senhora de Lourdes, depois de muitas idas à casa de alguns idosos e não os encontrar, os vacinadores cruzaram estradas de chão batido para chegar à roça onde eles estavam cuidando da plantação. “Temos muitos idosos que ainda trabalham na agricultura e como é nosso dever imunizá-los, fazemos a buscativa, identificamos onde estavam e fomos até eles. Este é nosso dever”, disse a secretária de Saúde do município, Elizabete Moraes Lima Neta.

Em Santa Luzia do Itanhy, município com 52 povoados e atividade econômica forte, tanto na pesca quanto na agricultura, os vacinadores se desdobraram para chegar aos idosos que não se encontravam em casa. Eles poderiam estar na roça ou nos manguezais, como destacou a secretária do município, Kênia Oliveira Lima Bittencourt. A estratégia de vacinação foi a buscativa, segundo informou a coordenadora de Imunização, Dalila Sales Pereira.

O resultado do esforço foi positivo. Em Santa Luzia do Itanhy, 85% dos idosos na faixa dos 78 anos acima foram vacinados e, especificamente, na casa dos 90 anos a mais, o percentual salta para 93%, conforme informou a coordenadora de Imunização.

No Leste sergipano, as equipes de saúde do município de Siriri se superaram na buscativa de idosos. Exemplo é o caso de dona Maria José dos santos, 86 anos, que no dia agendado para receber a vacina foi encontrada na beira de um riacho, lavando roupas.  A equipe foi até ela depois de não encontrá-la em casa e receber informações da vizinhança de que ela costuma ir ao riacho que fica na região Sítio Novo.

Siriri já vacinou mais de 150 idosos com idade acima dos 80 anos e nesta segunda-feira, 08, começou a imunização das pessoas com idade a partir dos 78 anos, seguindo o Plano Nacional de Vacinação. Nesta primeira fase, a campanha prioriza trabalhadores da saúde, idosos e população indígena.